Baby Led Weaning Fora de Casa


Comer

As famílias que introduzem a alimentação complementar através do método BLW vêm o seu dia-a-dia facilitado: não precisam cozinhar refeições específicas para o bebé, não precisam "perder" tempo a alimentar o bebé antes de se poderem sentar à mesa e comer também, não precisam levar comida à parte sempre que saem de casa ou escolher locais que permitam aquecer a comida do bebé, por exemplo.

Por vezes, os pais poderão evitar fazer refeições fora de casa com receio da bagunça, do desperdício e do que as outras pessoas poderão pensar. O meu principal conselho vai no sentido de descontraírem e agirem com naturalidade.

Existem alguns factores a ter em conta que facilitarão as refeições em restaurantes:

  • Optar por um restaurante habitual, cujo dono já seja vosso conhecido ou, pelo contrário, um restaurante onde ninguém vos conheça;
  • Optar por pratos relativamente simples (sem molhos) para minimizar a sujidade;
  • Levar um saco de lixo tamanho XXL para colocar debaixo da cadeirinha da refeição - permite apanhar alguns alimentos que foram para o chão e que podem voltar ao tabuleiro (para evitar o desperdício) e no final é só enrolar e deitar fora. Se apesar de tudo persistir alguma bagunça, no final, não esquecer de pedir desculpa e prometer que da próxima vez será melhor!
  • Pode prescindir da protecção no chão e no final da refeição apanhar os alimentos que caíram, com um guardanapo. Regra geral, o empregado vai aparecer e dizer-lhe que não precisa fazer isso, mas fica sempre bem e não custa nada;
  • Respirar fundo, descontrair e apreciar a companhia e a refeição;
  • Atenção aos menus infantis! Regra geral, é sempre melhor opção escolher um prato que dê para si e para o seu bebé. Por norma, os menus infantis são muito pouco interessantes a nível nutricional (habitualmente carregados de fritos). Se achar que o prato que quer pedir não se adequa a um bebé/criança, pode sempre optar por bife/hamburguer ou posta de peixe grelhado acompanhado de legumes cozidos ou assados;
  • Se optar por ir a um restaurante muito específico, que suspeite não ter grandes alternativas para o bebé (marisqueira, restaurante japonês) deverá, sempre que possível, levar comida de casa.

Se a refeição fora de casa for em casa de familiares ou amigos todo o processo será facilitado (em princípio!) e, no final, sinta-se à vontade para pedir a vassoura, pá e esfregona. É sempre um bom momento para conversar sobre os benefícios do BLW.

Acima de tudo encarem o BLW com naturalidade, assim quem vos rodeia fará o mesmo. E lembrem-se, somos cada vez mais famílias a utilizar este método. Da próxima vez que olharem para o lado, na mesa do restaurante, está um bebé a agir de forma igual ao vosso 🙂


Sem comentários

Deixe um comentário

Anterior Próximo